Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



#466

Pedro Simão Mendes, em 12.03.13

ultimamente não me sinto eu. e tudo fica negro.

ou sou realmente eu e tudo o que conheço não é. ou devia não ser.

 

 

entretanto, estou a tentar cultivar-me um pouco. já coloquei os pés na terra e ando a regá-los, aos pouquinhos, com um bocadinho de leitura.

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 22:32

sezão

Pedro Simão Mendes, em 12.03.13

dar-te-ei, meu amor, meu vazio

se me deres o sol preso por um fio

na alvorada.

 

dar-te-ei, meu amor, minha alma nua

se me deres sepultada a lua

na madrugada.

 

mas eu não valho nada.

não valho nada.

 

escrito a 25.02.2013

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 22:30



mensagens

pesquisar

  Pesquisar no Blog