Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



#519 ou Crimson

Pedro Simão Mendes, em 01.06.13
os explosions in the sky estão neste momento a dar um concerto no optimus primavera sound, que estou a acompanhar pela antena 3. a beleza que eles produzem é uma ode ao mundo e é a plenitude da arte sonora no seu mais belo esplendor. os meus ouvidos deliciam-se a ouvi-los. esta música (e, sobretudo, o seu título, greet death) inspirou-me há quase um mês atrás para escrever o poema seguinte.

Crimson

 

I am craving to greet death

With a kiss.

Like two past lovers who reunite

After so long.

 

Oh, and the bliss

Of feeling your warm breath

Where it belongs,

My lips, my heart are yours to ignite.

 

Crimson my eyes and skin

And blow away what lies within

Because I am nothing but blood and sins

And now the end of my world begins.

 

escrito a 05.05.2013

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 23:42



mensagens

pesquisar

  Pesquisar no Blog