Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



da (des)ordem do mundo

Pedro Simão Mendes, em 14.05.15

«o mundo não é cruel nem benévolo. é simplesmente aleatório, cheio de partículas que colidem umas com as outras, substâncias químicas que se misturam e reagem. não existe uma verdadeira ordem. não existe uma maldição predeterminada dos maus nem uma protecção dos justos. (...). tudo se resume ao caos. »

 

-- in um estranho caso de culpa (the innocent), de harlan coben

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 21:36



mensagens

pesquisar

  Pesquisar no Blog