Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


das rolas

Pedro Simão Mendes em 21.06.18

de vez em quando toco piano. muitas vezes abro as janelas da sala. algumas vezes, toco piano com as janelas da sala abertas. houve já algumas vezes dessas vezes em que t...

ainda chego tarde

Pedro Simão Mendes em 27.05.18

sempre cheguei tarde. não sei, aliás, como chegar senão tarde. escrito a 18.04.2018

da (minha) bissexualidade 1/2

Pedro Simão Mendes em 17.05.18

tenho esta ideia na cabeça há já algum tempo, e tenho tentado (sem sucesso) escrever um bom texto para partilhar aqui no blog. decidi fazê-lo hoje. porquê? por um lado porq...

do valor

Pedro Simão Mendes em 06.03.18

parece-me que as pessoas têm vindo a esquecer-se gradualmente que manter uma relação saudável, seja ela de amizade, ou mais do que isso, implica esforço e empenho de ambas as ...

#845

Pedro Simão Mendes em 14.02.18

já fui um sol de inverno, já fui uma nuvem cinzenta. já fui porto seguro, já fui o abrigo de alguém. agora, sou um panhonhas. e estou cansado, tão cansado. fui-me abaixo. não ...

#841

Pedro Simão Mendes em 09.01.18

se eu comer uma caixa inteira de mon chéri por estar deprimido, será que conta como ingerir álcool para afogar as mágoas?

#840

Pedro Simão Mendes em 03.01.18

qual a melhor forma de começar um novo ano? isso mesmo: doente.

sobre 2017

Pedro Simão Mendes em 30.12.17

2017 está quase a chegar ao fim, e esta é sempre a altura em que revisito o ano que passou e deprimo um pouco. embora tenha resumido 2016 numa palavra, não consigo fazer o mes...

#836

Pedro Simão Mendes em 08.12.17

o inverno pode ainda não ter chegado, mas já o sinto dentro de mim.



mensagens

pesquisar

  Pesquisar no Blog